Paste your Google Webmaster Tools verification code here

Review Preacher S01E05 – South Will Rise Again [SPOILER]

Depois do último episódio super filler, eu avisei que a série iria melhorar e… CÉÉÉÉÉUS, que episódio foi esse?! INCRÍVEL!

“South Will Rise Again” já começa com cenas pesadas! Aqui vemos o mesmo cowboy misterioso do primeiro episódio pela suja Ratwater. No sallon, ele presencia atrocidades como estupro e violência gratuita, deixando-o revoltado. Uma situação que intriga é um padre que o reconhece e acusa o cowboy de ser um homem que gosta de matar, o paralelo que acontece entre a vida do cowboy com o restante da história ainda é um enigma, mas aos poucos vamos ganhando algumas pistas.

Cassidy não é tão simpático quanto nos episódios anteriores, afinal de contas, depois de ter conhecido a Tulipa o cara acordou na manhã seguinte na casa da moça e se apaixonou perdidamente por ela, que o rejeita a todo instante falanso sobre um namorado, o Jesse. Nenhum dos dois sabem da ligação que ambos têm com o pastor, mas também em nenhum momento citam nomes, mas já dá pra imaginar o que vez por aí…

Agora não tem como não gostar dos anjos nesse episódio, vê-los sentados no banheiro ensaiando o que vão dizer ao Céu quando atenderem ao telefone é adorável. Preacher conseguiu desmistificar a imagem cliché de “anjos” que muitas mídias acaba abordando, estou adorando!

Review Preacher | Pow de Cast

<3

Aos poucos a série vai se mostrando mais agressiva. Não só em questão de ações, mas sentimentalmente! A começar pelo grafitti no quarto do Cara-de-Cu escrito “FINISH THE JOB” com uma seta apontada para a espingarda encostada na parede. Gosh, que sinistro! Enfim, aquela cena toda é terrível. Logo depois tem o almoço tenso em que o pai do Eugene, o Xerife Hugo Root, tem uma explosão de raiva dizendo aos berros que ele deveria ter “acabado o serviço”, terminando com o garoto limpando os cacos do prato que seu pai arremessou na parede. Isso é muito doloroso!

Mais tarde, Eugene pede ajuda de Jesse para que seu pai possa aceitá-lo, porque ele se sente como um peso para a família. Ele ajuda? Então… Na verdade, antes de chegar na casa do Cara-de-Cu ele faz uma parada na casa de Tracy Roach. Ao ver Eugene dentro do carro do pastor, a mãe da garota entra em estado de fúria e começa a bater nos vidros descontroladamente. Vendo aquela cena, Jesse comanda a mãe de Tracy a perdoar Eugene. Apesar da relutância, ela o abraça e Eugene fica sem entender, mas aceita o afeto e dá um olhar desconfiado para o pastor.

Review Preacher | Pow de Cast

Nessa hora a gente até supõe que talvez Eugene tenha sido responsável pelo estado de Tracy no passado e, por culpa, tenha tentado se suicidar com um tiro no rosto.

A série é foda, porque não tem muita enrolação, também é que já estamos na metade e muitos personagens já estão sacando o poder do pastor. Como é o caso de Donnie, que fica aos prantos no ombro da esposa enquanto conta sua experiência com a arma na boca do banheiro daquele posto beira de estrada no episódio três. Aí a gente vê Betsy mais ameaçadora e Donnie muito emocional, parece que o jogo virou, não é?! Hehe

Bom, apesar dos anjos ensaiarem uma vida para atender ao telefonema do Céu, quando estavam prontos… O aparelho subitamente deixou de tocar. Então lá foram eles confrontarem o Jesse na mesa do restaurante. Lá eles explicam ao pastor que além de não permitido abusar do poder como ele está fazendo, aquela dádiva não é Deus, como Custer vem pensando. Essa informação muda completamente a visão de controle e comando que tem espalhado pela cidade.

Review Preacher | Pow de Cast

Enfim, a última cena (que pra mim é a melhor até agora) é Odin Quincannon que, no episódio anterior, havia sido “tocado por Deus”, aceita a reunião com os membros do Grupo Campos Verdes e logo após oferecer-lhes uma dose de conhaque simplesmente pela com espingarda e atira em cada um dos envolvidos. Sério! Não era uma cena que estava esperando e, se perceber bem, a reação do prefeito é exatamente a mesma que nós, telespectadores, tivemos. Em nenhum momento nós pensamos que algo do gênero iria acontecer! Sr. Quincannon estava sociável, o prefeito estava relaxado, os convocados para a reunião estavam bem simpáticos. Esse final foi GENIAL!

Review Preacher | Pow de Cast

Continuem lendo os previews de Precher aqui no Pow de Cast! Além de comentar, você também pode dar a sua nota para o episódio e participar com a gente. Até a próxima!

Carolina Cruz

Nascida no Dia Mundial do Disco Voador. Publicitária, blogueira, podcaster e ávida pesquisadora do trivial. É isso!

Você pode gostar...